Haroldo Beraldo .. “Geladeiroteca: consuma aqui e alimente seu espírito” e “Todo dia é dia de ler”

Projetos: “Geladeiroteca: consuma aqui e alimente seu espírito” e “Todo dia é dia e ler”

  • Haroldo Luís Beraldo, bacharel em Ciências Sociais/UFSCar e Ciências da Informação e da Documentação USP/Ribeirão Preto

Nesse post, o Haroldo vai contar pra gente como começou o seu envolvimento com livros e literatura, sobre os dois projetos que elaborou e executou na Biblioteca General Álvaro Tavares Carmo e como isso repercutiu na cidade de Sertãozinho, interior de São Paulo.

977919_203347823151958_1755689992_o

Haroldo

“A minha trajetória com projetos que envolvem o livro e a leitura se iniciou em 2007, quando coloquei em prática na 5ª Feira do Livro de Sertãozinho o “Traça da Praça”, um sebo de livros onde as pessoas adquiriam livros e gibis por preços simbólicos ou trocavam materiais, doando um livro para o projeto e levando outro pra casa.

Em 2008 formei-me em Ciências Sociais pela UFSCar e em 2010 entrei no curso de Ciências da Informação e da Documentação na USP/Ribeirão Preto. A princípio tudo indicava que as demandas de trabalho não ultrapassavam o atendimento de balcão, além da retirada e reposição do acervo nas estantes. Entretanto, muita coisa estava por acontecer.

No início de 2013, saiu um edital do MinC (Ministério da Cultura) que possibilitava uma série de municípios a terem seus Pontos de Leitura. Isso consistia em uma premiação de R$20.000,00 (Vinte mil reais) para cada Ponto a serem aplicados de acordo com as diretrizes estabelecidas nos projetos dos proponentes.Em Sertãozinho tivemos duas possibilidades de contemplação com Pontos de Leitura e uma das propostas escolhidas foi o “Todo dia é dia de ler”, projeto a ser colocado em prática na biblioteca Gen. Alvaro Tavares Carmo.”

“Geladeiroteca: consuma aqui e alimente seu espírito”1383232_251960008290739_111801188_n

“Basicamente, a ideia do projeto consiste numa carcaça de geladeira customizada com recortes de enciclopédias e gibis onde ficam disponíveis vários livros para retirada livre e gratuita por parte da população. O projeto girou durante os quatro dias da Feira do Livro e nesse ínterim foram repassados à comunidade mais de 400 livros, todos captados na biblioteca por meio de doações.

Para a nossa surpresa, o projeto foi um sucesso, gerando repercussão na mídia local e regional, com matérias de jornais e televisivas. Para que a ideia não ficasse limitada à Feira do Livro, estabelecemos uma parceria com uma associação de bairros de Sertãozinho que tem sede em um clube esportivo do município. Dessa forma, acabamos dando continuidade no projeto atendendo aproximadamente 800 pessoas que usam o clube e participam das atividades desenvolvidas no mesmo. Foi a maneira que encontramos de fazer com que nosso trabalho repercutisse na população e se mantivesse ativo.”

“Todo dia é dia de ler”

“A ser colocado em prática na biblioteca Gen. Alvaro Tavares Carmo, basicamente estipulamos que parte do nosso investimento seria para potencializar o acervo atendendo a demandas de curso superiores e técnicos existentes em instituições de ensino público e privado no município de Sertãozinho, além de livros de literatura universal, 1622289_296150920538314_1716721980_oinfantojuvenil, histórias em quadrinhos e audiolivros. Também tivemos a preocupação em investir na estrutura física da biblioteca criando um novo espaço de 14m² com guarda-volumes e estantes para livros infantis. E, por fim, parte do prêmio foi direcionado para adquirirmos equipamentos multimídia com o intuito de oferecer diferentes tecnologias para nossos usuários e visitantes. Dentre as ofertas estão um tablet e dois e-readers.

Durante o período de vigência do Ponto de Leitura “Todo dia é dia de ler”, participamos pela segunda vez de uma edição da Feira do Livro de Sertãozinho com o estande da biblioteca Gen. Alvaro Tavares Carmo”.

O Haroldo me enviou também, links das matérias online que saíram sobre a Bibliteca General Álvaro Tavares Carmo e os projetos desenvolvidos nela, por ele.
Facebook: https://www.facebook.com/BibliotecaCanaoeste
Links: http://www.canaoeste.com.br/conteudo/cruz-das-posses-sedia-entrega-de-pontos-de-leitura-sertanezinos-164139; http://www.abasertaozinho.com.br/aba/index.php/noticias/239-geladeiroteca-e-lancado-oficialmente; http://www.blogdogaleno.com.br/2013/11/27/em-sertaozinho-sp-tem-livro-ate-na-geladeira.

Entrevista feita por Ana Santana, em 24/04/2014

EDITADO EM 23/12/2014

O projeto do aluno Haroldo Beraldo foi premiado com o “Prêmio Vivaleitura 2014!”, tendo recebido das mãos da Ministra da Cultura, interina, Ana Cristina Wanzeler, em cerimônia realizada no dia 16/12 no Salão Nobre na Câmara dos Deputados. O projeto da Geladeiroteca esteve entre os 998 projetos inscritos que representaram todas as regiões do Brasil e o egresso Haroldo e sua geladeiroteca ficaram entre os cinco melhores projetos na categoria de Bibliotecas públicas, privadas e comunitárias

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s